Mudou um pouco o tempo, e de novo a Elisa gripou – dessa vez não fui eu que passei prá ela. Ainda bem que parece não ter afetado a garganta de novo, já que a febre só ameaçou, e duas doses de Tylenol no intervalo de 8 horas entre elas, já fizeram a temperatura já voltar ao normal de vez.

Ô dó, esse narizinho congestionado… Ainda bem que a Elisa tem mesmo a alma muito boa, e continua sorridente mesmo gripadinha! Só a noite de terça prá quarta passamos (os 3) quase toda sem dormir, mas agora graças a Deus a situação já se estabilizou.

Cá entre nós, acho que devia ser proibido criança ficar doente antes dos 2 anos de idade, mas fazer o quê?!

Ah, por falar em 2 anos de idade, vejam com que pulga estou atrás da orelha: na terça-feira de manhã percebemos a Elisa com a respiração congestionada, então, apesar de já ter em casa o remédinho DECONGEX PLUS, que o médico havia receitado na gripe anterior, achei melhor seguir o conselho de não fazer auto-medicação, e liguei para o pediatra. No final do dia ele me retornou, confirmando que deveria iniciar essa medicação, conforme eu havia imaginado. Fizemos isso, e de lá prá cá ela vem realmente melhorando. Pois bem, agorinha, enquanto esperava conectar a internet, resolvi ler a bula do bendito DECONGEX PLUS. E foi isso que encontrei: “este medicamento é contra-indicado em crianças menores de 2 anos, uma vez que até o presente momento não há dados conclusivos sobre segurança e eficácia em pacientes nessa faixa etária”.

Então pergunto: E AGORA, MAMÃE???

Anúncios